29 de set de 2008

A decisão.

Ele correu em busca de tudo que pudesse salvar aquilo que, antes, ela sentia por ele. Mas era tarde demais. Ela não queria mais arriscar. Tinha muito a perder por pouco. Ainda se fosse valer a pena, arriscaria. Tenho certeza que ela jogaria tudo pro alto só para tentar ser feliz.
Havia cogitado dar uma chance, não para ele, mas para si própria. A felicidade parecia tão simples ao lado dele. Porém, ele conseguiu fazê-la mudar de idéia.
Não podia se sentir comparável à outra. Se ele a amasse, assumiria todos os riscos.
O seu repúdio pela covardia começou a eclodir. Ela não ia lutar sozinha. Não ia perder sozinha. Amar sozinha não tem graça. Era essa a única certeza que ela carregava consigo.
Ele continuou insistindo, mas a situação já estava decidida e, até agora, não se sabe o rumo que tudo levou.
Ela só quer ser feliz de novo.

18 comentários:

Maria Fernanda disse...

Tinha tempo, mas tempo mesmo, que eu não lia texto e me visse inteirinho nele. Comumente, eu leio uma ou outra frase. Mas agora não, li-me inteira.
E poderia mesmo ter escrito isso, se as palavras me permitissem usá-las. Sei lá, tive que abrir mão da vida pra poder ser feliz e, ainda, não sei se esse é mesmo o caminho da felicidade.

Beijo daqui

.Ná. disse...

Fer, você vai achar o caminho da felicidade. Ela tá dentro de você, querida! Um beijão.

Adriano DiCarvalho disse...

E ela vai conseguir, certamente. Por que ela é forte, ela acredita, ela pode, ela quer, mas, principalmente, por que ela MERECE!

BJS, MOÇA!

Rafa Gizzi disse...

...E é claro que ela será feliz de novo. Ela, no fundo, sabe disso. Pq a ela não deixa a esperança morrer!

=*

Rafa disse...

cara! não foi eu que escrevi isso.......como você sabe o que eu sinto??? hauhauhauha

brincadeirinha!
mai sum belo texto!
beijos

Ju disse...

queria q esse fosse o desfecho de uma história q eu conheço
=)

Alice disse...

Eu acho que ela tá certíssima. Espero que ela esteja certa disso tbm! Bkas ;)

Quase Trinta disse...

Estou com ela e não abro.. acho q ela descobriu o caminho AMOR PRÓPRIO.... e com certeza alguém muito melhor surgira no seu caminho

Bella... disse...

Pergunta: quem te deu permissão pra escrever sobre minha vida? :P
Passei por isso recentemente e como não desisto de ser feliz, to na luta de novo. Sorte pra nós!

Antônio disse...

"Se ele a amasse, assumiria todos os riscos."

E eu, que amo, posso estufar o peito e dizer sem medo, que a gente assume mesmo todo e qualquer risco.

Belo texto, como sempre.

Beijo!

Lydia disse...

Belo texto...
Antes mesmo de vê o comentário da Fê eu também estava associando o texto a ela.
Parabéns Ná!
Beijo :*

Gabriela M. disse...

se for pra ser feliz, paga a pena, não é mesmo?

Rafa Gizzi disse...

PS: tem coment no post anterior! xP~

Antônio J. Xavier disse...

Uma das coisas que aprendi bem cedo: quando se ama, sempre se deseja ser amado de volta... quando se é amado de volta, os dois assumem os riscos juntos, sem medo.
E não se pode ser feliz sem amar e ser amado de volta... o esforço individual não ser "via de mão única".
Deixa de ser amor para virar obssessão.
Vc faz muito bem... até porque... linda desse jeito, o que não vai faltar é pretendente...
...
eu me incluo nesta lista.

Vi que vc me add no msn. Já te aceitei viu? Estou acessando muito pouco por conta do trabalho e dos estudos mas em breve conversaremos...

bjinhos (muiiiiiitttttoooosss)

Ah!... eu sempre passo uns dois ou três minutos depois que entro em seu blog só olhando suas fotinhas... hipnotizante viu?
bjssssss

;) disse...

VocÊ conseguiu fazer meus olhos encherem de lágrimas, por um momento pude sentir um aperto no coração, os segundos mais longos do meu dia.
Belííssimo texto!!!


Beeeijo
;*

Lazy disse...

Precisamos dar uma chance a nos mesmo de ser felizes!
Adorei o texto!

beijão :]

Ariana disse...

Me vi nesse texto!
Mto lindo tudo isso!

Beijo

Lily disse...

parece a minha história!
e agora, eu só quero ser feliz de novo tb!

bjkss