7 de dez de 2008

Um comunicado.

Buenas, leitores!

Venho aqui não pra dar uma satisfação pela ausência da Natália, mas sim para explicar o estado de coisas que a mantém distante de vossos olhos ávidos por seus posts profundos e lancinantes - o que, de certa forma, não deixa de ser uma satisfação.

A nossa heroína, como é de conhecimento geral, possui um estilo um tanto que estoicista. Suas desventuras, pelo caminho que todos traçamos nos dias de nossas vidas, sempre foram postos, expostos e dissecados neste púlpito virtual.

O amor se tornou o centro da odisséica vida de nossa heroína. Palavra de simples escrita, mas de repercussões dantescas na vida de nossa pequena e encantadora escriba, e fonte de todo o estoicismo dela.

Assim, a ausência se dá – antes que eu fuja da temática – por conta de um esvaziamento de pauta, isto é, toda essa melancolia, este estoicismo latente, essa reflexão acerca dos “pedregulhos de cada dia”, se dissiparam, exaurindo-se como um fósforo que perfaz a sua finalidade ao se queimar.

Digamos que, de um ponto de vista aristotélico, o meio termo foi encontrado, eis a virtude que surgiu. As necessidades do coração e da mente encontraram um ponto de equilíbrio, mas não que isso significa uma letargia da alma ou o fim das palavras da Natália. Não! Muito pelo contrário, é um recomeço.
Só é preciso que nossa heroína re-equacione o seu novo estado espírito com um novo estilo de escrita.

Finalizo desejando a todos o melhor que cada um deseja para si e para o mundo e que cada um entoe, como um mantra , uma oração que coloque a Natália em um caminho de muitos verbos e figuras de linguagem.

Att,

Fábio Coelho

15 comentários:

Thiago Augusto" disse...

ouun *-*

:)

Ju disse...

bom, espero q volte mais inspirada do q nunca
=)

.Ná. disse...

Fabito sempre exagera um pouco quando usa a palavra AMOR. Ele, sim, é um romântico extremista! ahahahahaha
Beijos

Silêncio de Chumbo disse...

logo ela volta.. =P

Nally disse...

Nossa, que texto foi esse?
Ná, amiga, tudo bem?
heaheahaeea ...

Estou torcendo por você sempreee ...
^^

Agostinho Lopes disse...

O gostoso da ausência é o retorno da "presença", sem bem que, "para quem sabe de Natália", a presença é real, lúdica, suave e sentida.

Mari Vianna disse...

Meu Deus, nao sei se meu interior é MUITO loiro, mas palavras assim me deixam perdidas.

Tá tá, eu escrevo. Mas eu não sou A culta. hahaha Não entendi nada que se passa, capotei.
TA TUDO BEM? huahusa
beeeijos

.Ná. disse...

O Fábio, além de exagerar quando escreve a palavra AMOR, exagera no léxico...
Beijos

Booperfly disse...

Sempre é tempo de renovar!
Vá, mais volte, tá, Ná?
Bjos,
Paulinha
http://booperfly.fairy-tales.com.br/

Camila :) disse...

aguardamos sua volta heeh

bejoos

Rafa (guapinha) disse...

ai ai......me fez flutuar nas palavras escritas...

Alice Désirée disse...

UAU!! Não precisava disso tudo! Mas já sei que a volta dela vai ser poética hein! rsrs..
Tô com blog novo e depois se ela puder passar lá eu vou ficar mto feliz!
Bjs!!
=1

Alice Désirée disse...

Passei poor aqui só pra agradecer a visita!
Bjs!!
=1

Linda_Rê disse...

E que retorne logo em seu equilibrio...

Yuuko-sama disse...

espero q de td bem mesmo nesse natal =]