21 de dez de 2008

[Pré] Balanço

Eu sei que os fatos não deixam de existir simplesmente por serem ignorados. Sabemos bem disso, mas às vezes nos esquecemos que não há como ignorar certas coisas.

Hoje eu só peço a Deus que a minha coragem para ser gentil prevaleça sempre, pois o mundo é hostil o suficiente com as pessoas. O meu coraçãozinho anda um pouco cansado de falsidades, de promessas feitas e de verdades inventadas. Eu quero a palavra dita, não a palavra enfeitada, brilhando como ouro falso. Chega de metáforas e eufemismos. Vamos ser diretos e justos.

Quero manter a minha fé, não importa em quê. O importante é não perdê-la, não deixá-la ser solúvel. Embora a gente tente ser sincero, algumas coisas não são faceis de se dizer. As dores, por exemplo. Quem é que admite estar machucado? Até os olhos mentem a nossa dor.

Andei me perdendo numas certezas que, na verdade, eram contradições. E então o amor se tornou uma coisa má e tranformou meu mundo em negro. As cores sumiram por que as palavras não podem voltar depois que são proferidas.

Mas não vou mais alimentar essa coisa que me faz mal, eu quero as cores de volta e espero que tudo isso exploda, queime contra o sol, de verdade. Não vou ficar aqui esperando. Às vezes eu sinto como se falassem uma lingua que eu não entendo. Nada faz sentido agora...

E aí eu percebo que o que é vivo, por ser vivo, se contrai. Mesmo que o jogo de dados do destino seja irracional e impiedoso. E eu pensei que bastava ter carinho para que amar fosse fácil...

E todo o fim chegou. Tudo bem que, dependendo da maneira como se olha para ele, o fim pode ser incerto e belo ao mesmo tempo.

Mas todo o resto foi mais forte que eu. Nem uma só vez olharam para trás. Ou ele olhou. Não, ele não olhou. Partiu direto e reto em direção ao futuro, e sequer pensou no que estava deixando no passado. Na verdade, não importa o quanto eu tenha me importado, algumas pessoas simplesmente não se importam.... E um ato destruiu todo o amor que pensei que existia. Talvez eu esqueça e cresça com tudo isso, mas esquecer não é perdoar.

Aí me lembro de criar asas novamente... e penso que, embora eu queira estar com ele, nada vai mudar no dia de Ano Novo... e resolvo continuar, começar novamente... E lembro que Deus, e somente Ele, me dará forças para continuar sem perder a fé que tive.







"Hoje acordei sem lembrar
Se vivi ou se sonhei.
Você aqui nesse lugar,
que eu ainda não deixei.
Vou ficar...
Quanto tempo vou esperar?
[...]
Esse tempo está lá atrás
Eu não tenho mais o que fazer.
[...]
Só com ela eu quis ficar,
E agora ela me deixou!
[...]
E eu ainda gosto dela,
mas ela já não gosta tanto assim.
A porta ainda está aberta,
mas da janela já não entra luz.
E eu ainda penso nela
Mas ela já não pensa mais em mim
Eu vou deixar a porta aberta
Pra que ela entre e traga a sua luz..."
(Skank - Ainda gosto dela)

8 comentários:

Sammyra Santana disse...

Gostei do teu [pré]balanço!
Eu tenho problemas sérios com finais (mesmo os felizes)... de duas uma, ou não sou muito normal, ou sou apegada demais a tudo que me cerca!
Será que, em algum lugar, exist eum botão de liga/desliga?
Gostei do finalzinho qd vc diz q lembra de criar asas novamente! Bons vôos, moça!
Beijo

Clecia disse...

OLá, Ná! Tudo bem? Andei sumda, né? O sumiço é por conta do trabalho. Ando mesmo sem tempo,mas hoje consegui atualizar o meu blog que já estava cheio de poeira. rs Gostei do seu (pré) balanço. Devo fazer um também. :) Aproveito a visita de hoje para desejar que tenha um lindo Natal e um 2009 pleno de realizações! BJos e uma linda semana!

Jéssica disse...

Só digo uma coisa: vai em frente. Quanto mais você se importa, menos os outros vão se importar. Um dia, vai valer a pena e você vai ver que foi melhor seguir em frente a ficar parada ;D

(acho que entendi o recado, não entendi?)
;**

Thiago Augusto" disse...

isso vai passar. saber que não faz bem é um dos primeiros passos. depois vai ficar aquela saudade gostosa.

Maria Fernanda disse...

Nada como ponderar e recomeçar. Se Deus nos dá a chance de começar de novo, porquê não arriscar?

bons ventos no teu ano novo, amada.

um beijo.

Alice Désirée disse...

Nossa! Tem que levantar o astral mesmo! Ano-Novo tá aí!
Bjs!!
=1

Ju disse...

calma que com um novo ano sempre vem novas coisas, novas esperanças e novos amores
=)

Nally disse...

Ná, não alimenta mesmo não essas coisas que te fazem mal.

Tenta pensar positivo mesmo quando tudo for negativo, vai te fazer bem. Claro que não estou mandando esquecer e tal. Mas parar de pensar tanto, deixar de lado e ser feliz!

E sobre a sua fé, como você mesmo disse, ''O IMPORTANTE É NÃO PERDÊ-LA''.

Continue escrevendo para aliviar momentos comos esses de =/ ...

Eu acredito no melhor sempreee ...
Desejo o mesmo para você!

Eita, que essas CRISES EXISTÊNCIAIS são uma bomba viu, podem explodir sem ao menos esperarmos.

Com certeza, vai passar e você vai se tornar melhor a cada instante.

Se cuida e fica com Deus!

Sim, coloquei hoje o cartão no correio ... ^^

Ahhh ...
Pelo mesno aqui não estarei atrasada para desejar Boas Festas e um lindo 2009 cheio de pensamentos positivos e ações especiais.

Ufa!