16 de out de 2008

Carta a Meu Bem

Eu quero te contar o que sinto e como foi que deixei isso acontecer. Mas antes disso, meu bem, eu queria te falar dos livros que li, dos milagres que presenciei, dos corações que curei...
Quero te falar da vida bonita que vi a cada amanhecer e do quanto questionei Deus pelas injustiçãs cometidas pelos homens.
Sei que sonhar é bom. Até gosto das noites em que você me visita pelos sonhos, mas viver é tão melhor, querido. Eu gosto da vida, desses constantes acontecimentos.
Sei, também, que você deve estar assustado e até machucado. Ou então está desesperançoso. Mas é melhor assim, meu bem. Acredite. A gente não deve construir ilusões ou esperanças em cima de outra pessoa. Elas nunca aguentam carregar os nossos planos.
Você sabe o que sinto, tenho quase certeza. Ontem, quando você estava sentado no sofá, me sentei na cadeira em frente só pra te olhar de perto. Você deve ter percebido, afinal nossos olhos se encontravam por alguns segundos, até que a vergonha não os fizesse desviar.
A verdade é que, embora eu tenha visto muitas coisas, não aprendi a lidar com essa situação.
Eu sei, você vai embora esta semana. Vá sim, querido. Mas sinta minha falta, queira me ver nos seus dias sombrios e alegres também.
Pense em mim o tempo todo, enquanto estiver longe. Perceba que seu coração enfraquece ao pensar em me perder.
Faça de mim o motivo de suas visitas à minha casa.

9 comentários:

Ju disse...

"A gente não deve construir ilusões ou esperanças em cima de outra pessoa. Elas nunca aguentam carregar os nossos planos." - disse tudo
=)

Gerunda disse...

como a Ju falou.. disse tudo.

Ainda sobre aquele amigo do seu irmão, que tem namorada?

Olhos Virtuais disse...

Oie....
bom final de semana pra vc e para seus leitores.

bjs

Jéssica disse...

Mesmo não vindo tanto aqui como deveria, mas eu gosto tanto que te passei um presente. Se já tiver pode disconsiderar ou não, enfim!

Depois pega lá tá? :D

;**

Vanessa disse...

Tem gente que anda apaixonada...

ah, esses posts.
Tão sutis, tão lindos.

Thiago Augusto" disse...

ouuuuun *-*

adoro te ler.. :\

Esse bem que eu poderia ter escrito! :|

Gabriela M. disse...

é bom ter alguém pra quem escrever cartas, não é?

LindaRê disse...

Linda cartinha!
Mas me fez lembrar aquela música que a Elis Regina canta. Principalmente o começo.

Beijos~~

Medella disse...

Que bonito, Na! Um dos melhores que já li aqui!